Entra em contacto
curso-pos-graduacao-terapia-manual-na-disfuncao-musculoesqueletica

Pós-Graduação em Terapia Manual na Disfunção Musculoesquelética

O curso de Pós-Graduação em Terapia Manual na Disfunção Musculoesquelética tem como objetivo desenvolver nos fisioterapeutas as competências ao nível das terapias manuais que lhes permitem avaliar, diagnosticar e intervir baseando-se numa análise crítica da evidência científica na área das disfunções músculo-esqueléticas.

Coordenação: Graça Barros; Lara Costa e Silva
30 ects
terapia.manual@essatla.pt
sexta-feira: 16h-20h; sábado: 9h-13h e 14h-18h
novembro 2022
PT
180 horas
Atlântica

Público-alvo:

O curso é destinado a Fisioterapeutas que pretendam seguir um programa de pós graduação em Terapia Manual.

As disfunções músculo-esqueléticas ocupam cada vez mais um lugar preponderante nos estados relacionados com a Saúde. Os Fisioterapeutas reúnem as competências necessárias para agir na prevenção, promoção e intervenção na área da fisioterapia, necessitando de ferramentas técnicas e especificas de modo a dar uma resposta o mais efetiva e abrangente possível.

Pretende-se com esta pós-graduação em Terapia Manual, que o Fisioterapeuta adquira competências ao nível do raciocínio clínico e das estratégias de intervenção ao longo do curso de terapia manual, aplicáveis a todas as suas áreas de intervenção, bem como ao nível do desenvolvimento de estudos científicos.

No âmbito dos desafios da inovação e do progresso do curso de Terapia Manual, Fisioterapeutas e Professores de referência são convidados para garantir a actualização dos conteúdos programáticos e oferecendo uma grande variedade de unidades curriculares de qualidade que permitem ao formando construir o seu próprio currículo.

Os ECT’S (European Credits Transfer Sistem) obtidos na Pós-Graduação em Terapia Manual na Disfunção Musculoessquelética estão de acordo com as normas do Processo de Bolonha, podendo assim ser futuramente contabilizados em outros cursos.

Objectivo Geral Desenvolver nos fisioterapeutas as competências ao nível das terapias manuais que lhes permitem avaliar, diagnosticar e intervir baseando-se numa análise crítica da evidência científica na área das disfunções músculo-esqueléticas. Desenvolver as competências dos fisioterapeutas com o objectivo de aprofundar todo o processo da sua intervenção baseado na avaliação da postura e do movimento de forma a prevenir e minimizar o processo de lesão. Objectivos Específicos 1)  Desenvolver competências no uso de diferentes estratégias de avaliação para identificar  as alterações  posturais que poderão estar na base de adaptações e compensações biomecânicas. 2) Desenvolver competências no uso de diferentes estratégias de intervenção perante o tipo de disfunção, relacionando o conhecimento do movimento humano com as alterações biomecânicas e os mecanismos neuro-fisiológicos que estão na base da dor e disfunção do movimento. 3) Desenvolver competências para adopção de uma prática baseada na evidência, proporcionando investigação centrada na avaliação, medição e intervenção. 4)  Aprofundar as competências obtidas no decorrer de um 1º ciclo de estudos, no quadro de uma abordagem científica multidisciplinar para intervir no tratamento de disfunções músculo-esqueléticas. 5)  Aumentar a capacidade para desenvolver o espírito crítico e o raciocínio clínico na resolução de novos problemas.

Fisioterapeuta, Especialista e Doutora Lara Costa e Silva

Fisioterapeuta Doutora Carla Leão

Fisioterapeuta Especialista Graça Barros

Solicitar Informações

Solicitar Informações sobre o curso:
Nome(Obrigatório)
Este campo é para efeitos de validação e deve ser mantido inalterado.